Mentoplastia

Mentoplastia (cirurgia ao queixo) - Informações:

  • - Duração média da cirurgia: 1h30 2h00
  • - Tipo de anestesia: anestesia local
  • - Tempo de recuperação: 3 a 4 dias
  • - Preços: €1150

MARCAR CONSULTA

MENTOPLASTIA, O QUE É?

A cirurgia plástica é um procedimento estético normalmente associado às mulheres, mas cada vez mais procurado pelos homens, que nos tempos crentes têm vindo a ganhar uma maior consciência sobre si próprios e os seus corpos. E intervenções como a mentoplastia são, sobretudo, requisitadas pelo sexo masculino, como os números o provam.

A mentoplastia é uma intervenção cirúrgica plástica que tem como objectivo a correcção e o reposicionamento do queixo. É uma operação que tem objectivos estéticos, mas não só, uma vez que é igualmente indicada para resolver problemas relacionados com a dificuldade na mastigação e até mesmo na respiração.

No entanto, é muito procurada com o simples intuitos estético, com o objectivo de deixar o rosto mais equilibrado e harmonioso. Muitas vezes até é complementada com outras intervenções plásticas, como é o caso da rinoplastia, por exemplo, ou o lifting facial. Tem assim bastante benefícios físicos, mas igualmente psicológicos, já que aumenta decisivamente os níveis de confiança e de auto-estima do paciente.


EXISTEM 2 TIPOS DE MENTOPLASTIA

Existem dois tipos de mentoplastia, a cirurgia classe 2, de aumento, e a cirurgia classe 3, de redução. Como as descrições indicam, a primeira serve para corrigir o queixo quando o maxilar de cima fica muito mais à frente do de baixo, enquanto que a segunda serve para reposicionar casos em que os dentes do maxilar de baixo ficam muito mais à frente do que os de cima.

É um procedimento bastante eficaz, simples, rápido e, mais importante que tudo, com efeitos duradouros. É, por isso, cada vez mais requisitado por homens e mulheres de todas as idades, se bem que é apenas recomendado a maiores de 17 anos, uma vez que é a idade em que os ossos da face já cresceram o suficiente. Aliás, a mentoplastia só deve ser uma opção depois de utilizado aparelho para os dentes.

Além disso, a mentoplastia é um procedimento relativamente seguro, que tem também beneficiado dos muitos avanços tecnológicos que têm surgido na área da cirurgia plástica. No entanto, como qualquer operação, comporta riscos associados, se bem que são muito baixos. Os mais comuns prendem-se com infecções e inflamações, que são fácil e rapidamente combatidas com o recurso a medicação prescrita pelo médico.

Aliás, deve sempre recorre a ajuda especializada. Só um médico cirurgião poderá prestar-lhe todo o aconselhamento devido, dando ainda todos os esclarecimentos relativos ao tratamento e respectiva recuperação. No momento de procurar ajuda, adopte sobretudo uma atitude responsável, sensata e inteligente, de forma a minimizar os riscos e garantir que as suas expectativas são alcançadas.

QUE TIPO DE ANESTESIA É UTILIZADA - MENTOPLASTIA

A mentoplastia é feita com recurso a anestesia geral e a recuperação é de alguma forma simples, se bem que pode ser um pouco demorada. No total, esse período pode variar entre os 6 e os 12 meses. No entanto, a recuperação é toda ela feita em casa e ao fim de 2 dias, terá alta do hospital.

Deve ficar de repouso nas primeiras duas semanas, evitando esforços, actividade física, a exposição solar prolongada, apanhar frio e utilizar qualquer tipo de cremes faciais. As dores e inchaço começam a desaparecer ao fim do segundo dia, graças à prescrição. O acompanhamento médico deve ser feito durante todo o período de recuperação, para garantir que tudo corre como planeado e sem incidentes de maior.

RECUPERAÇÃO E PÓS OPERATÓRIO

Os primeiros 3 meses de recuperação exigem ainda uma alimentação sobretudo líquida. Fisioterapia também é recomendada para melhorar os níveis de mastigação e, ao mesmo tempo, diminuir a dor e a tensão dos músculos da face. Finalmente, é ainda necessário efectuar uma drenagem linfática no rosto para diminuir o inchaço.

Existe ainda uma dica caseira que ajuda bastante neste período de recuperação de uma mentoplastia. A ingestão de chá de ervas com louro, gengibre e tília é uma receita fácil de fazer e que pode ajudar a acalmar dores e o desconforto pós-cirurgia. Bocejar aboca com este chá, ou mesmo com chá de hortelã, podem ajudar a aliviar o incómodo e a garantir um maior bem-estar.

FALE CONNOSCO: